sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Evoluções da fofura - alegrias sem fim!

Esperando por boas notícias? Hoje tem!
 
Vamos então às atualizações, pois nossa borboletinha tem nos surpreendido com suas superações:
 
Falta pouco!
 
Alice está quase andando, cada dia mais firme e tem arriscado alguns passinhos. Ela ainda é insegura, e quanto percebe que está em pé sozinha, ela senta e volta a engatinhar. Estamos incentivando, e tem dias que ela vai muito bem, em outros, não adianta insistir pois a danada é cheia de vontades próprias e faz só o que quer (a quem será que puxou?!?!).
 
Bebê - aranha
 
Nossa fofura tem se aprimorado numa atividade que ela parece gostar muito: escalar. Escala móveis, pessoas, objetos, tudo o que estiver atrapalhando sua jornada determinada de alcançar algo que cismou. Geralmente são controles remotos, celular, aparelho de TV a cabo, as pedrinhas do vaso que fica no corredor, enfim, já perceberam que ela quer mesmo o que não pode mexer né? Não dá pra tirar os olhos de cima por 1 minuto sequer!
 
Curiosidade aflorada
 
Percebemos que ela anda muito mais atenta e curiosa a tudo! Nada mais passa despercebido por ela. Se antes não se interessava, agora mudou totalmente! Explora mais os brinquedos, está sempre de olho em tudo o que fazemos, e se vê algo que realmente lhe chamou a atenção, procura incansavelmente, mesmo que tentemos esconder.
 
Comunicação
 
Alice não fala, mas se faz entender muito bem. Antes não reclamava, podíamos deixar ela por muito tempo numa atividade, como no cercadinho, no balanço ou mesmo no cadeirão de refeições que ela brincava sozinha, feliz da vida. Agora, ela manifesta seu descontentamento e nos faz entender perfeitamente quando quer passear, está com sede, quer o aconchego do colo, enfim, ela se comunica, do jeitinho dela. Também tem variado seu "vocabulário" e resmunga umas "palavras" diferentes e muda as expressões, dando a entender que quer intencionalmente, iniciar uma "conversa".
 
Alice está se desenvolvendo muito bem, progredindo, o cérebro está crescendo e há grandes chances dela fazer tudo sim. O atraso, a dificuldade existe, mas seu quadro de uma maneira geral é bom.  Os médicos, não tem como prever como será sua capacidade intelectual, o quanto será afetada e até onde ela poderá chegar. Nos orientam para continuarmos com todos os estímulos que proporcionamos a ela e paralelamente acompanhando clinicamente também.
Só o tempo irá nos mostrar do que ela será capaz.
Nós acreditamos muito no potencial dela, e mesmo o seu desenvolvimento ter sido mais lento no ano anterior, ela está sim evoluindo. Sempre em frente.
 
Não preciso repetir (mas sempre faço isso) que toda e qualquer evolução é muito comemorada. Cada pequeno ganho em seu desenvolvimento pra nós é uma vitória. É o resultado do esforço que dedicamos à ela. É também o resultado da sua própria capacidade, de interagir e compreender o mundo a sua volta. Isso nos deixa imensamente felizes. E muito gratos.

Ela está numa fase muito gostosa, está engraçada, brincalhona, sapeca e muito carinhosa, mais do que costuma ser. Abaixo um vídeo só pra verem um pouquinho da "sapequice" dessa fofura.


video


E eu cada dia mais apaixonada por essa mini menina, doce e encantadora....



Nenhum comentário:

Postar um comentário