sábado, 20 de julho de 2013

Um resumo até o diagnóstico

Bom, algumas pessoas vem acompanhando a nossa trajetória desde que a Alice nasceu. 

Ela nasceu muito pequenininha, com 44 cm e 2.850 kg. O peso não foi dos piores, mas o comprimento chamou a atenção dos médicos, pois eu meu marido somos altos e ela nasceu no tempo certo, de 38 semanas e 1 dia. Quando o bebê é prematuro, é normal que venha mais miudinho, mas não foi o caso dela. Mesmo o meu obstetra tendo nos informado nas últimas consultas que ela seria um bebê menor, ela chamou atenção quando nasceu.

Fiz o meu pré-natal direitinho, fui acompanhada por um ótimo médico, que sempre me passou muita segurança. Fiz muitos exames, muitos mesmo, e apesar da ameaça de aborto no início da gravidez, com 5 semanas, tudo correu normalmente depois disso. Nada indicava que a Alice poderia ter qualquer problema ao nascer.

O primeiro Pediatra que a examinou, ainda no hospital, não comentou absolutamente nada sobre ela ser pequena. Bom, eu não gostei dele, achei que mal olhou pra neném, e ainda bem que resolvemos procurar outro.

Então o segundo médico nos explicou sobre o quanto era importante investigarmos, fazermos exames, pois achava que poderia haver algo de errado, inclusive alguma síndrome.

Exames feitos, resultados normais, fomos ao neuropediatra que nos deu o diagnóstico: MICROCEFALIA de causa, por enquanto, desconhecida.

Microcefalia é uma condição neurológica em que o tamanho da cabeça é menor do que o tamanho típico para a idade do feto ou bebê. Também chamada de Nanocefalia, constitui-se no déficit do crescimento cerebral, quer pelo pequeno tamanho da caixa craniana, quer pelo diminuto desenvolvimento do cérebro. A microcefalia pode ser congênita, adquirida ou desenvolver-se nos primeiros anos de vida.

Então, nove meses, 15 médicos, muitos exames, sustos, erros e acertos depois, me sinto mais a vontade para falar do assunto.

O nome é horrível, assusta mesmo. O neuropediatra não nos deu muitas informações, apenas que ela estava com atraso no desenvolvimento motor (aos 7 meses) e indicou fisioterapia, que ela faz até hoje. Também disse que deveríamos aguardar, pois o que podíamos fazer já estávamos fazendo. Só o tempo dirá o quanto a Microcefalia vai influenciar no desenvolvimento psicomotor dela. Ela terá a mesma idade cronológica das outras crianças da idade dela, mas será um desenvolvimento um pouco mais lento, por isso, a importância da fisioterapia e futuramente fonoaudiologia e terapia ocupacional.

Ao pesquisar sobre o assunto, confesso que me desesperei. As informações erram terríveis, inclusive sobre a expectativa de vida. Nada muito conclusivo, pois cada Microcefalia é diferente, e cada criança tem suas características próprias, reagem de uma forma.
Assim, eu pude perceber, que a Alice está indo muito bem, comparada a outras crianças com o mesmo problema.

Quem a conhece e até agora não soube, com certeza vai dizer: -"Nossa, mas nem parece que ela tem algum problema!"

E realmente, a microcefalia, no caso da Alice, que não tem relação com nenhuma outra anormalidade física, pode passar despercebida, pelo menos agora, enquanto ainda é pequenina.

Aos poucos, explicarei todo o processo que ela passou e que ainda passará, não quero deixar esse primeiro post muito longo.

Abaixo uma foto da fofura, logo que nasceu.





Me apaixonei completamente, no primeiro minuto em que a vi

Um beijo, e até a próxima.

4 comentários:

  1. Iris Muller Kruger27 de julho de 2013 09:31

    que linda.. e parece ser bem gordinha... Deus esta com Vocês e tudo será conforme e vontade dele.. ele não dá a cruz maior do que voce poderia carregar....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Iris!
      Sim, tivemos muitas provas que Deus é conosco.
      Um abração!!

      Excluir
  2. Oi aos papais de Alice!!!

    A Alice é uma benção, criança linda e percebe-se nas fotos que está muito ativa e esperta!
    Que Deus sempre esteja com vcs nesses momentos um pouco mais críticos que talvez ainda vão passar, pois só ELE sabe o que cada um consegue suportar.
    Sei que ELE está com vocês e admiro muito a garra com que vcs estão lidando com tudo isso.. É muito linda essa princesinha de vcs.

    E o trabalho de vc com este blog é muito legal. Parabéns pela iniciativa.

    Se cuidem e fiquem com Deus.

    Forte abraço.
    Greyci

    ResponderExcluir
  3. Boa noite! minha bebe nasceu a 15 dias e foi diagnosticada com microcefalia. ..nasceu prematura de 34 semanas..Gostaria de saber mais sobre sua alice ...pois nao acho muita informação na Internet. ..

    ResponderExcluir